IntegraNews
Como limitar o tempo em frente à televisão
A exposição excessiva pode desencadear consequências negativas para a saúde e o desenvolvimento das crianças

 

O último Painel Nacional de Televisão, levantamento realizado pelo Ibope Media, apontou que, no Brasil, o tempo médio que crianças e adolescentes passam diariamente em frente à televisão subiu 52 minutos em 11 anos (entre 2004 e 2015), passando de 4h43 para 5h35. A pesquisa engloba a faixa etária de 4 a 17 anos, e abrange todas as classes sociais.
Conforme a Escola de Medicina de Harvard (Harvard Medical School), a exposição excessiva à televisão pode gerar implicações negativas para a saúde e o desenvolvimento das crianças e adolescentes, entre as situações citadas pela instituição está o maior risco para obesidade, dificuldade para desenvolver habilidades sociais e o aparecimento de problemas comportamentais. Abaixo listamos algumas sugestões que contribuem para limitar o tempo que as crianças e adolescentes destinam à televisão.

Os televisores costumam interferir na qualidade do sono, especialmente dos adolescentes que gostam de ficar até mais tarde assistindo. Por isso, evite que televisão, computador, tablet e celular estejam no ambiente de dormir.

Estratégias eficientes

Reorganizar a sala de estar para que a televisão não seja o centro das atenções
Assistir televisão em família costuma ser divertido. Porém, o fato dos móveis da sala estarem sempre voltados para a telinha gera, naturalmente, a tendência de ligá-la sempre que alguém estiver naquele ambiente. Isso reduz as chances de utilizar a sala para outras atividades que não envolvam assistir, como por exemplo reunir-se para conversar e usar o espaço para brincar com jogos de tabuleiro.
Evitar instalar televisão nos quartos
Não ligar a televisão durante as refeições
Refeições em família podem trazer diversos benefícios para as crianças e adolescentes. É uma oportunidade para intensificar os laços entre pais e filhos, ampliar o vocabulário das crianças a respeito do universo dos alimentos e aproveitar para conversar sobre o que cada um tem feito ou planeja fazer no dia.
Ter em casa suprimentos que instigam a criatividade
Assegure-se de ter em casa materiais como papel, lápis de cor, giz de cera e tintas. Também são importantes livros e brinquedos que instigam a criatividade e a imaginação – blocos de construção, jogos de tabuleiro, de encaixe, ou palavras, etc.
Incentivar as brincadeiras externas 
Se no condomínio ou em casa houver áreas externas de lazer, incentive passeios de bicicleta, caminhadas, jogar futebol e vôlei, ou seja, faça um esforço concentrado para promover mais momentos ao ar livre durante a semana.

Colégio Integração

Rua Arthur Neiva, 440 - Monte Castelo - Teixeira de Freitas - Bahia - CEP: 45990-108

Tel.: 73 3263-4737 - integracao@colegiointegracaoonline.com.br

Copyright © Colégio Integração. Todos os direitos reservados.